Gilberto Braga: vivemos uma nova era de consumo
< Voltar para notícias
112 pessoas já leram essa notícia  

Gilberto Braga: vivemos uma nova era de consumo

Publicado em 17/11/2017 , por Gilberto Braga

Ao expor o seus interesses na rede, você alimenta as novas estratégias de vendas virtuais

Rio - Na era da tecnologia em que quase todo mundo fica 24 horas conectado, com celular ligado, redes sociais e e-mails ativos, os mercados estão modificados. Recentemente, foi notícia e comentamos nesse espaço, sobre o poder das celebridades ao influenciar o consumo e o comportamento dos admiradores. A surpresa foi que entre os mais citados, a maioria era de influenciadores digitais, que fazem sucesso por meio de canais em rede sociais e blogs, sem saírem das novelas, programas de entretenimento, música e do mundo do esporte.

Hoje, os novos famosos cobram para fazer "presença" em eventos, ficar um tempinho e tirar fotos. Também ganham dinheiro com postagens nas suas redes promovendo produtos, como roupas e expondo comportamentos que possam influenciar nossos desejos e decisões de consumo.

Uma situação que reflete isso, é o caso da empresa líder de cosméticos no Brasil, a Natura, que adota sistema de vendas com consultoras há anos, sem lojas físicas. Nos dois últimos anos, em função da crise econômica e do avanço do acesso ilimitado por todas as classes sociais às redes de internet, os lucros e as vendas despencaram. Este ano, implanta sistema paralelo de vendas pela internet, rompendo a tradição que já não dá tão certo.

O fato é que o mercado consumidor mudou. Hoje, qualquer assunto pode ser pesquisado na internet, o que facilita, aproxima e ajuda as decisões de consumo. Dificilmente, em condições normais, alguém paga preço exorbitante por qualquer item. O conhecimento dos valores médios praticados está disponível em um click em qualquer celular. Ao mesmo tempo, não é mais preciso sair de casa para se fechar um negócio, porque a internet hoje é mais segura e confiável.

Por outro lado, ao expor o seus interesses na rede, você alimenta as novas estratégias de vendas virtuais. Com base nas suas buscas, são preparadas sugestões de "anúncios patrocinados" que possam vir de encontro às suas preferências, despertando o seu interesse por demandar produtos e serviços.

Até os magazines, onde se pode comprar tudo, estão mudando e se ajustando. A líder do segmento - a Casas Bahia - passou a anunciar na TV a possibilidade de se comprar online e retirar o produto na loja física mais próxima do cliente. A Marisa, muito tradicional em São Paulo, anunciou o fechamento de boa parte de suas lojas físicas e passou a investir em lojas virtuais.

Pois é, são os novos tempos, com novos hábitos, sempre com celular conectado 24 horas nas redes sociais.

Fonte: O Dia Online - 16/11/2017

112 pessoas já leram essa notícia  

Notícias

Ver mais notícias

Perguntas e Respostas

Ver mais perguntas e respostas